Qual o problema com a cor dos meus cabelos?

-Tia, por que seu cabelo tá branco? – me perguntou uma criatura de 7 anos, depois de 10 segundos olhando fixamente pro topo da minha testa.

-Ele não está branco, ele é branco, meu amor – respondi.

-Mas, você tá parecendo velha!

Já ouvi isso antes: velha ou desleixada. São os dois tipos de mulheres que deixam seus cabelos brancos. Segundo o que dizem, é claro.

E se fossem azuis ou rosa choque? Querendo ser rebelde, coisa de maluca. Você não é mais adolescente não, minha filha. Grow up!

Se fossem raspados? Ah, essa é doida de pedra. Coitada. O cabelo era tão lindo, aí fez essa loucura.

Se estivessem frizzados? Com certeza, acordou e esqueceu de pentear. Ou levou um choque, né?

Passou da cintura? Tá na hora de cortar, né? Longo demais. Deve dar um trabalhão pra lavar, só gastando água. Corte esse negócio, aff!

Encaracolou? Cacheou? Menina, faça uma escova ou um coque. Tá todo bagunçado seu cabelo. Alisa esse trem…

Alisou com química? Olha só, tá parecendo uma vassourinha. Algo deu errado aí. Melhor voltar ao natural.

E, é claro: deixou de pintar a raíz? Credo, que descuido. Ficou com mó cara de velha. Ei, tá com cabelo branco, né? Vamo pintar?

A lista continua. A lista de coisas que ouvimos todos os dias sobre como devemos ser, como devemos nos vestir, como devemos nos arrumar, como devemos parecer. Ouvimos tanto sobre como as pessoas esperam que sejamos, que fico me perguntando se sabemos como nós realmente queremos ser. O que é beleza, enfim? E quem define o que é bonito ou não? E por que damos tanto ouvidos “aos outros” e calamos tanto a nossa voz interior?

É o velho problema do “culto à beleza”. Não, o tema não está esgotado. Continua importante e pertinente e ainda há muito o que se falar e fazer. Quando deixei meus cabelos voltarem a ser cacheados, me senti linda e autêntica, mas há quem diga que só ando de cabelo bagunçado. Hoje em dia ele passa boa parte do tempo preso num coque alto, aí o pessoal diz “mas é tão bonito solto”. A pessoa não pode mais nem sentir calor! Parece que temos que andar sempre em nossa melhor versão, na nossa versão mais bonita de ser. Tudo bem até aí. O problema é que a definição dessa nossa versão mais bonita nem sempre vem do nosso interior. Isso acontece pois damos muito ouvidos ao que as pessoas dizem. E o que elas dizem?

Dizem que as mulheres têm que ser magras, com seios e bunda grandes e cintura fina. As pernas? Grossas, de preferência. Têm que ser gostosas e saradas, mas nem tanto, senão ficam muito masculinas. Têm que andar de salto e de bumbum empinado. Cuidado para não parecer arrogante e que “se acha”, senão pega mal. Os cabelos têm que ser tingidos nas cores da moda e sempre com a raiz pintada. Têm que andar maquiadas, senão é descuido e ninguém quer ficar vendo pele manchada, espinhas e olheiras profundas, né? Têm que ser sempre femininas e sempre bonitas, mas só se for de acordo com as normas e regulamentos criados pelas revistas da moda, novelas e filmes de Hollywood, senão não conta.

E o que ganhamos com isso? Mulheres inseguras e com problemas psicológicos e emocionais por causa da pressão da sociedade por um corpo perfeito; mulheres obcecadas com seu peso, tomando todo tipo de medicação, abdicando de momentos especiais da vida para não “jacar”; mulheres gastando o dinheiro do mundo todo alisando e pintando os cabelos para que fiquem iguais aos das famosas; mulheres botando silicone porque aprenderam que peito bonito é peito grande; mulheres com problemas de coluna por causa do uso contínuo e abusivo do salto, porque elas acham que só assim ficam elegantes; mulheres com problemas de pele depois dos trinta porque passaram a vida com a pele carregada de maquiagem pra ficar mais “bonita”. Enfim, mulheres sempre insatisfeitas com a forma e beleza natural dos seus corpos porque aprenderam que pra ser bonita de verdade, precisam seguir a receita da novela das 8.

A boa notícia é que isso tá mudando. Estamos vendo mulheres gordinhas em cima das passarelas e servindo de exemplo para as jovens. Mulheres de cabelos alisados finalmente assumindo os cachos, sem vergonha, sem peso na consciência. Mulheres usando tênis porque é mais importante se sentir confortável do que “elegante”. Mulheres aprendendo a cultivar seu próprio bem estar, sua auto-estima e tomando decisões baseadas no que elas realmente querem e não com o que os outros irão pensar.

Afinal de contas, não é errado colocar silicone, pintar cabelos, usar maquiagem e salto e querer ser magra, se tudo isso é o que realmente você quer. Eu já usei maquiagem todo dia porque achava que só ficava bonita assim. Já usei salto todo dia porque achava que só ficava bonita assim. Alisei meus cabelos por mais de 13 anos porque achei que só ficava bonita assim. Já fiz todo tipo de dieta, tomei remédio e sofri pra perder peso porque achei que ser gorda era feio.

Hoje em dia, eu uso maquiagem quando saio, penso em colocar silicone e fazer abdominoplastia, uso salto de vez em quando e faço dieta quando sinto necessidade. Mas, hoje sou eu que tomo as decisões e faço as escolhas, conscientemente, pensando no meu bem estar e no que eu considero como sendo bonito. Me olho no espelho sem maquiagem e me acho bonita. Me olho no espelho com os cabelos frizados e brancos e me acho bonita. Me olho no espelho, gordinha e com várias celulites e me acho bonita, mesmo assim.

Mas, não foi fácil. É um trabalho de aceitação, tolerância, auto-estima, desenvolvimento pessoal, que parte da gente e termina com a gente. E talvez eu pinte meu cabelo novamente, enfim. Talvez eu não consiga conviver com os olhares e as reclamações. Mas, a vida é evolução e aprendizado. Os outros vão sempre falar. Sempre vai ser melhor e mais bonito de outro jeito. Em vez de aprender a fazer biquinho de pato, aprenda a fazer cara de paisagem quando alguém reclamar que você poderia ficar mais bonita se apenas ____________.

Voltando aos cabelos brancos…

-Tia, você não tem medo de parecer velha?

-Eu pareço ter uns 30 anos?

-Parece!

Problema resolvido. E se não parecesse? Problema resolvido, também.

2 thoughts on “Qual o problema com a cor dos meus cabelos?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s